Tristeza Palavra Fria

Vocês sabiam
Que existem
Palavras
Frias
Quentes
Mornas?
É obvio
Que no sentido
Figurativo…
Nada que se pronuncia
Tem temperatura
Mas se pensarmos
Melhor
Veremos
Que os efeitos
Que elas causam
Geram atitudes
E sentimentos
Que tem sim
Temperatura e
Vibração!

Se pensarmos
Em tristeza
Logo a garganta
Se torna um nó
Os olhos teimam
Em lacrimejar
A vida
Perde o colorido

Se repetirmos
A palavra
Tristeza
Várias vezes
Sentiremos
Frio na espinha
Borbulhas
No estômago
Sensação de
Abandono
E assim com
Todas as outras…
Desde Amor
Até Ódio

São milênios
Aderindo
Atitudes
Gestos
Vibração
Cada vez
Que se pronuncia
Uma delas!
E tristeza
É definitivamente
Uma palavra
Fria
Cinza
Rasante
Desconectada
Lenta

Toquei neste assunto
Porque
Como meu objetivo
É ensinar…
Vou explicar algo
Que levantou
Uma certa
Curiosidade
E quero esclarecer!

O título da última Poesia
“Lentilhas”
Poderia ser outro?
Talvez
Folha de louro ou
Semente de romã ou
Até mesmo
Sete ondas…
Porque justamente
Lentilhas?

Acabei de falar
Que tristeza
É uma palavra fria
Pois,
Lentilha é quente!
Como uma sopa
Borbulhante
E só de imaginar
O grão redondinho
Feito uma pedrinha
Lapidada pelo tempo
Sente-se
O seu calor
Através da sensação
De barriga cheia
De fome saciada
De agradecimento
De Amor a quem preparou
Mas pera lá!!
No Brasil
Só se come lentilhas
Na passagem de Ano
E mesmo assim…
Alguns grãozinhos
Só para ganhar
Muito dinheiro
No Ano que se anuncia!

E o que tem isso?
Não comem
Mas já comeram
E muito…
Alguns sobreviveram
Ao frio cortante
A miséria profunda
Ao abandono
Graças a esse
Tesouro!

Nos dias de hoje
Por que comer?
Se temos filé mignon?
Mas a sensação de calor…
Ah! Essa jamais
Nos abandonará
Mesmo enfrentando
Mais mil encarnações!

Perceberam a estratégia?
Quando se lê
O titulo da Poesia:
“Lentilhas”
Lá vem aquele
Calorzinho gostoso
Aquela sensação
Indescritível
De prazer
E aconchego
E pimba!
O leitor continua lendo
Sem mesmo
Saber porque
E no final exclama:
Que nome estranho
Para uma Poesia!
O Poeta Estelar
Já não é mais o mesmo!

Vocês não sabem
O quando sofro
Para passar
Pra vocês
Os Ensinamentos do Alto!
Hoje em dia
Ler… é um sacrifício
Não me refiro
A dificuldade
Dos iletrados
Mas sim,
A preguiça mesmo!
Por isso,
Tudo vale:
A temperatura
Das palavras
Os textos
Verticais
Como uma torre
De letrinhas
Os assuntos
Que vão
Se entrelaçando
E quando se vê
Já leu o que não queria!

Não há muito tempo…
Por isso,
Ou se aprende
Agora
Ou o Plano B
Será o futuro
E eu,
Que quando
Da última encarnação
Usei palavras
Rebuscadas
Textos elaborados
Construções linguísticas
Dignas dos Mestres
Mudei…

Hoje,
Digo a mesma coisa
Mas para
As mentes atuais…
Que preferem
Apreciar fotos coloridas
Que nada significam
E ignoraram os textos
Às vezes…
Duas frases apenas,
Cujo conteúdo
Pode ser a diferença
Entre viver para comer
E trabalhar para comer

Uso todos os recursos
O Pai me delegou
Esta missão!
E eu a cumpro!
Com um sorriso nos lábios
Pois só assim,
Finalmente me formarei!

Poeta Estelar


O texto abaixo é parte integrante do livro “A Caminho da Redenção”, elaborado por Dez Espíritos de Luz, entre eles Frei Fabiano de Cristo e Meimei. Recebido através da canalização do pensamento pela Médium Cristã Elza Horai.
“Tudo que se vivencia no dia a dia é carregado de energia. Não só a sua energia, mas também aquela que se construiu por milhares de vidas, por espíritos, de todas as escalas de evolução. Colocar uma mandala em seu móvel pode impregná-lo da energia de muitos rituais ocorridos em países distantes ou até mesmo em épocas imemoriáveis. Mas não é necessário temer, objetos inanimados, utilizados como decoração, prosseguem vibrando sua essência, mas não se voltam contra seu proprietário. Apenas a energia do ambiente, fica um tanto diferente e quando alguém com sensibilidade apurada se aproxima, pode claramente sentir a diferença.
Toda esta crendice de pintar a casa antes de se mudar, após ela ter sido ocupada por outra família, não é algo criado pela mente de pessoas supersticiosas, mas sim um fato real que pode ser provado nos laboratórios de Deus.
Tomemos uma família que habita determinada residência, que por exemplo, seus membros se entreguem ao vício da bebida e se excedem em pensamentos e palavras que trazem críticas e julgamentos. A combinação da força de todos estes parâmetros, acaba formando como que um gás invisível de fórmula única que diariamente é borrifado sobre tudo que está inserido no ambiente, não só nos humanos, como também nos móveis, paredes, objetos de todas as formas e tamanhos e ao longo tempo, todos estes componentes, como que incorporam este gás às suas moléculas e o torna parte integrante de sua estrutura, que é carregado por onde porventura este objeto é levado.
Imaginando que esta família se mudou de habitação. Ao deixar a antiga morada, todos os pertences são acondicionados em um meio de transporte e levados para o novo lar, ficando para trás os ambientes fixos, que posteriormente serão ocupados por novos moradores. O que ocorre, é que a fórmula única que compõe o gás que foi borrifado frequentemente naquele ambiente também está presente nas paredes, no teto, no piso que ficou.
Poderá alterar a identidade energética dos novos moradores, por isso é tão importante mudar as cores, se possível trocar o piso. As rezas, o sal grosso, as fontes, os amuletos, são sim, poderosos meios de se modificar energias. Frutos da crendice popular, muitas vezes desdenhados ao ridículo mas perfeitamente comprovados nos laboratórios de Deus, mas o mais poderoso antídoto é se cultivar pensamentos e sentimentos de alta vibração. A fórmula de sua energia trará equilíbrio e paz a sua família e a todos os seus amigos, inclusive os deste plano.”

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s